domingo, 14 de março de 2010

Assembleia - 24/3 19h

O MovimentAÇÃO convoca todos os servidores para uma assembleia que será realizada no dia 24 de março, às 19 horas, no ginásio Abel Schulz. Mesmo antes de assumir efetivamente a direção do Sinsej, o MovimentAÇÃO quer reunir a nossa categoria e apontar as nossas primeiras lutas.
Entre elas urge a nossa data-base, que ocorre no dia 1º de maio, ponto crucial para reajustes salarias e que deve ser entendida como momento de mobilização da categoria, na organização de uma pauta de reivindicações que expresse as necessidades dos servidores. Momento em que o sindicato deve dar plena voz aos trabalhadores.
Ainda esta semana o MovimentAÇÃO deverá lançar seu próximo informativo, onde além de apresentar suas contas da campanha sindical, pretendemos informar as primeiras iniciativas após a posse, transparecer as acões da comissão de transição da diretoria e esclarecer o debate acerca da data-base.
Entre em contato conosco, com os membros do MovimentAÇÃO, divulgue nosso material, comparece à assembleia e convide seus colegas de trabalho. É com organização, informação e mobilização que nossa categoria pode conquistar mais.

3 comentários:

Maria Servidora da Paz 15 de março de 2010 17:13  

Amigos

Sugerimos que a Diretoria eleita MOVIMENTAÇÂO, instale uma auditoria interna no SINSEJ antes mesmo de assumirem. Para não arcarem posteriormente com danos provenientes da atual Diretoira. Uma vez que se assume arca-se com BONUS E DANOS.

Júlio César 16 de março de 2010 14:31  

Não vejo conveniente uma assembléia sem que seja convocada pela diretoria que ainda esteja no poder...não que seja importante e necessário, mas tropeça em legalidade. Quanto ao comentário de Maria S. da Paz...penso que o grupo eleito pelos servidores pode sim assumir a direção do sindicato...mesmo havendo qualquer investigação interna...pois irá assumir atos somente do dia 20/04/2010 e responde só por isto.

Movimentação 16 de março de 2010 21:06  

Caro Júlio,
Entendemos sua preocupação, mas esclarecemos que é constitucional o direito à livre organização e manifestação política/intelectual/religiosa dos cidadãos brasileiros.
Ademais, no momento que vivemos, é imprescindível que os servidores manifestem sua unidade e disposição de defender seus direitos.
Portanto, o fato de a assembleia não ser chamada pela atual direção do sindicato é um detalhe - que não implica em qualquer ilegalidade. Essa assembleia poderia se dar espontaneamente - e mesmo assim teria um valor político importante.
Agradecemos sua colaboração e reforçamos o convite para a presença no dia 24.

Postar um comentário

  © Original Blogger template Coozie modified to Neo Coozie by Oak Blogger XML Skins 2009

Back to TOP